Audiência Pública discute a ampliação do horário dos caixas eletrônicos do Banco do Brasil e funcionamento aos finais de semana e feriados

Ocorreu na sexta feira (16), na câmara municipal de Campo Alegre de Lourdes, Audiência Pública com a finalidade de anunciar a ampliação do horário de atendimento do Banco do Brasil no município, além de ser oportunizado à sociedade discutir sobre o horário e o modo de funcionamento da agência bancária aos finais de semana e feriados. O ato foi conduzido pelo prefeito municipal, Enilson Marcelo,  e pelo gerente do Banco do Brasil, Jun Sasa, contando com a participação e presença de empresários locais, vereadores, membros da equipe de gestão da Administração Municipal, representantes das Policias Militar e Civil e população em geral.

Importante registrar que a reunião foi de extrema relevância para o município, tendo em vista que a pouco mais de dois anos a agência do Banco do Brasil do Município oferecia um atendimento limitado à população campo-alegrense, com funcionamento dos terminais de autoatendimento de segunda a sexta- feiras das 9 horas às 16h e 30 min, sendo fechado aos finais de semana e feriados em decorrência da falta de segurança na região.

O gerente da agência, Jun sasa, relatou acerca do esforço da administração municipal para a ampliação do horário de funcionamento do banco, sendo o feito viabilizado por meio da parceria realizada entre o Banco do Brasil, a Prefeitura Municipal e as Superintendências regional e estadual do Banco do Brasil. “Os terminais de autoatendimento irão funcionar normalmente, de domingo a domingo” salientou o gerente da agência local.

Os caixas eletrônicos de autoatendimento funcionarão das 8:00h às 18:00h todos os dias, inclusive aos sábados, domingos e feriados. O funcionamento no horário determinado será a partir do dia 1° de julho, sendo esta ação de grande importância e tão esperada pela população campoalegrense.

Na ocasião foi apresentado pelo prefeito um projeto para construção de um calçadão na área onde se localiza o banco, oferecendo um ambiente seguro para a população que, em sua maioria, são clientes do Banco do Brasil, além de ser uma medida que visa inibir a ação de criminosos, tendo em vista que o calçadão impedirá o trânsito de veículos automotores e será equipado com câmeras de vídeo monitoramento.

A intenção é que todas as instituições bancárias presentes no Município sejam fixadas em pontos localizados no perímetro do calçadão. “A medida visa aumentar o fluxo de pessoas nas proximidades do banco e, considerando que será realizado o monitoramento do local por câmeras, inibir ações de criminosos aos bancos” afirmou o prefeito Enilson.

COMPARTILHAR